Resenha: A Hora do Pesadelo

(6 votos, média de 4.17 em 5)

 

Confesso que cheguei ao cinema ressabiado para assistir ao remake de “AHora do Pesadelo”. Depois da decepção que tive com o remake de “Sexta-Feira 13”, estava com o pé atrás com refilmagens que levassem a assinatura de Michael Bay na produção.

Pra minha surpresa, já nas primeiras tomadas, minhas desconfianças desapareceram. A nova versão do clássico de Wes Craven, retoma a disposição inicial e preponderante a que se propõe o filme, ou seja, meter medo em seus telespectadores; coisa que se perdeu lá entre o segundo e terceiro filme da franquia.

O Freddy Krueger interpretado por Robert Englund tornou-se um personagem amado pelos fãs,  mais por suas piadas carregadas de humor negro e seu sarcasmo infernal, do que por representar uma figura temida e assustadora de um filme de terror.

O novo Freddy, interpretado pelo ator, Jackie Earle Haley, consegue retomar o caráter tenebroso e realmente mau do vilão. O filme possui uma boa trama, efeitos especiais de qualidade, muitos sustos, uma ótima interpretação de Haley como o personagem principal, e ainda mostra a origem de Freddy, o que para a nova geração de fãs de filmes de terror, era quase que obrigatória.

Saí do cinema com a vontade de assistir uma continuação. Será que virá? Só o tempo irá dizer, mas, pelo menos, parece que o produtor Michael Bay aprendeu a lição ao errar feio com a refilmagem do primeiro filme do mascarado Jason Vorhees.


A HORA DO PESADELO (2010)

Sinopse:

Um grupo de adolescentes de um subúrbio americano tem um sonho em comum, envolvendo Freddy Krueger (Jackie Earle Haley). Ele é um assassino desfigurado, que sempre os persegue em seus sonhos. Enquanto eles estão acordados não há risco algum, mas quando adormecem é a chance que Krueger tem para dominá-los.

 

Ficha Técnica:

  • título original:A Nightmare on Elm Street
  • gênero:Terror
  • duração:01 hs 36 min
  • ano de lançamento:2010
  • site oficial:http://www.nightmareonelmstreet.com
  • estúdio:New Line Cinema / Platinum Dunes
  • distribuidora:Warner Bros. Pictures
  • direção: Samuel Bayer
  • roteiro:Wesley Strick e Eric Heisserer, baseado em história de Wesley Strick e personagens de Wes Craven
  • produção:Michael Bay, Andrew Form e Bradley Fuller
  • música:Steve Jablonsky
  • fotografia:Jeff Cutter
  • direção de arte:Craig Jackson
  • figurino:Marian Ceo
  • edição:Glen Scantlebury

 

Elenco:

  • Jackie Earle Haley (Freddy Krueger)
  • Rooney Mara (Nancy Thompson)
  • Kyle Gallner (Quentin)
  • Katie Cassidy (Kris)
  • Thomas Dekker (Jesse)
  • Kellan Lutz (Dean)
  • Clancy Brown (Alan)
  • Connie Britton (Marge Thompson)
  • Charles E Tiedje (Policial Delaney)
  • Anna Hagopian (Mãe de Jesse)
  • Judith Hoag (Enfermeira)
  • Andrew Fiscella (Acor)
  • Anne Hagopian (Mãe de Jesse)
Comentários   

#16 maria rita » 19-06-2016 14:05

o que acontece no final do filme a hora do pesadelo?
−1 +−

maria rita

#15 Vanessa Silva costa » 18-08-2015 01:35

Gente eu amoo a hora do pesadelo :-)
+1 +−

Vanessa Silva costa

#14 Carlos alberto » 30-03-2015 06:14

Impressionante como tem leigos e gente burra que tenta
comentar sobre algo e demonstra exatamente aquilo que é
um completo ignorante no quesito cinema, esse remake é
o pior de toda a franquia e um dos piores filmes de todos os
tempos, um verdadeiro lixo, elenco, direção, trama, uma
merda completa. Somente vcs abobados da nova geração
conseguiram ver algo útil nessa droga de filme.
0 +−

Carlos alberto

#13 Ana Caroline » 21-05-2014 19:07

gente eu amei o filme e ele é muito assuatador :-* :-* mas ele é ,muuuuitooo legal
+1 +−

Ana Caroline

#12 Adriana » 12-05-2014 04:13

Falou tudo Amarildo. Na minha opinião esse remake foi totalmente desnecessário, ninguém nunca vai conseguir despertar medo e paixão ao mesmo tempo como Robert England no seu papel fez.
+2 +−

Adriana

#11 amarildo » 28-11-2013 02:40

Sinceramente fico enojado em saber q existem pessoas com opiniao como a do marcos junior que nao entendem nada de cinema. Assistem filme como aquela tia que escuta musica enquanto lava a louca..
Ele perguntou no que o filme original e melhor que o remake? Pois bem, p comecar o was craven e mto melhor do que o produtor de videoclips. O elenco do filme original e composto por atores renomados,ate Johny Deep atuou no original,enquan to que o corpo de atores do remake e composto quase q pela maioria de principiantes. A atriz q interpretou a Nancy no remake e pessima,um verdadeiro lixo. A maquiagem do original e mais assustadora pois permite expressoes mto bem interpretadas pelo competente,reno mado e criador do personagem Robert England enquanto que a nova maquiagem tentando imitar pessoas que sofreram queimaduras reais acabam por deixar o personagem sem expressao parecendo um zumbi mongol e destruindo um dos pontos primordiais do personagem. A atuacao do novo Freddy tbm foi limitada e amadora e junto com as falas do roteiro mal escrito e de uma forma simploria denegriram ainda mais este classico. Frases como: "vc nao pode escapar de mim.." ditas pelo Freddy evidenciam uma producao ingenua.
O filme original foi mto melhor produzido e dirigido que este remake. O teor suspense foi mto mais explorado enquanto o telespectador nao sabia ao certo quando era sonho da realidade enquanto o remake estragava todo o suspense mudando a paleta de cor da imagem avisando com antecedencia a todos o momento do sonho. No original o Freddy como senhor dos pesadelos nao se limitava ao espaco,pelo contrario,ele o manipulava mto bem e variava de uma forma dinamica a maneira de eliminar suas vitimas enquanto que o vilao do remake praticamente repete de uma forma massante a maneira como mata suas vitimas.. Enfim nao adianta exagerar nas cenas de violencia e abusar dos efeitos especiais se nao tem uma producao coesa,coerente e de qualidade. Quem defende o remake nao assistiu aos classicos e tampouco entende de filmes,eu nao diria burros mas sim ignorantes..
Nao percebem que uma producao dessas surgiu apenas pelo lucro apoiada em um filme classicos.
Molecadas vao entender os originais e nao ser ingenuos de pensar que o mundo comecou apenas no seu tempo..
+4 +−

amarildo

#10 yasmin » 11-11-2013 17:47

:D eu adoro filme de terror sou criança tenho 9 anos e gosto desse filme :roll:
+1 +−

yasmin

#9 thiago » 27-10-2013 20:37

é muito legal :D e assustado :-*
+1 +−

thiago

#8 ykihj,hj » 14-09-2013 22:35

Esse filme não da nada de medo é muitooooooooooo ooooooo legal
ri o filme inteiro porque sou meio doida mas esse não vem ao caso :D :D
I'm crazy
−2 +−

ykihj,hj

#7 amanda » 23-04-2013 23:03

:D adorei esse filme
+3 +−

amanda

#6 marcos júnior » 17-10-2012 16:48

Meu Deus do céu como têm gente burra que não entende o que é filme bom,é obvio que essa refilmagem é muito superior aqueles filmes antigos de fred.Os filmes antigos eram bizarros,cômico s e sem graça.Esse remake é sem sombra de dúvidas uma obra prima,muito bem elaborado e cheio de efeitos especiais,sem falar no suspense que deixa você vidrado na tv do início ao fim.Tem gente que só sabe criticar e fazem comparações sem nenhum sentido com o original,usam argumentos muitos fracos e sem lógica para dizer que o antigo da década de 80 é melhor.Melhor em quê ? as cenas desse de 2010 são muito mais realistas e perfeitas,a violência é visivel neste filme.Não acredito que uma pessoa inteligente considere o antigo melhor que a refilmagem,pelo amor de Deus vamos ter pelo menos um pingo de coerência.
−1 +−

marcos júnior

#5 Papa Emeritus » 21-09-2012 19:34

Com todo o respeito a opinião do autor do texto, mas o remake de Sexta-Feira 13 fez exatamente a mesma merda que todos os filmes da franquia original fazia.... jovens burros transando e sendo mortos aos poucos pelo Jason (no caso do filme original, pela mãe do Jason).

Agora, o remake da Hora do Pesadelo é um LIXO. O filme original de 1984 metia medo porque além de ir mostrando o Freddy aos poucos (seu rosto sempre aparecia encoberto pelas sombras, e a fotografia escura ajudava a disfarçar), você não conseguia distinguir sonho de realidade.

No remake fizeram a maior merda possível. O Freddy atual não faz piadinhas como começou acontecer da parte 3 pra frente? Ok! Mas em compensação ele aparece de 5 em 5 minutos no filme. Sem fazer nenhuma cerimônia. E podemos distinguir sonho de realidade.

Sem falar que o filme é muito corrido.

E fizeram questão de mostrar gráficamente a origem dele, coisa que no filme original fica somente na imaginação do espectador.

Esse remake não passa da mesma porcaria das sequências da franquia original. Um filme de "fantasia" mascarado com elementos de terror. Não bota medo nem num bebê!
−1 +−

Papa Emeritus

#4 Emerson Pimenta » 14-12-2011 00:48

Concordo plenamente com o SR Arcano! Esse filme trouxe uma visão mais madura e mais concreta do mito do freddy que, quando a gente gelava de medo nos primeiros filmes , tornou-se risivel nos seguintes. ( Mas eu tinha medo mesmo assim hsuahsa) . O Englund vai morrer como Freddy, tem como não, mas de fato o Jackie Earle Haley deu show, ( Era de se esperar, quem já assistiu watchman sabe do que eu falo). A gente odeia o freddy dele, e mesmo ele matando o carinha do crepusculo!

Outro ponto forte, e digo até estratégico é esse elenco. Esses atores teens do momento, e relmente bons, são um enorme atrativo para uma nova legião de fãs ! A sequencia já está vindo hehe...


WAS craven É O CARA! Sou fã daqueles que ficam com raiva se ver alguem falando mal hehehe 8)
−2 +−

Emerson Pimenta

#3 Sr. Arcano Soturno » 20-07-2011 17:20

Essa refilmagem deu cara nova e uma visão mais madura e atualizada ao Freddy. Ficou mais realista. Ao menos tivemos um bom filme digno da série. Sombrio e cruel.
+5 +−

Sr. Arcano Soturno

#2 Elsen Filho » 14-07-2011 22:40

A hora do pesadelo só me lembra aquela musiquinha sinistra "1, 2 fredie vem te pegar..."
+6 +−

Elsen Filho

#1 Luiz Poleto » 05-06-2011 14:08

Honestamente, eu achei essa refilmagem totalmente desnecessária. Aliás, qualquer refilmagem de filmes que já se tornaram clássicos são desnecessárias. Mas pela sua resenha, parece que vale a pena arriscar e dar um voto para essa nova versão. :)
+3 +−

Luiz Poleto

Você está aqui: Resenhas Filmes Resenha: A Hora do Pesadelo