Resenha: Mr. X

(1 voto, média de 5.00 em 5)

Mr. X é uma história escrita com maestria e que trata do tema do doppelgänger. O aniversário de Ned Dunstan está se aproximando, e todos os anos, nesta mesma data, Ned é tomado por uma convulsão paralisante aonde é obrigado a assistir cenas de assassinatos sádicos cometidos uma figura misteriosa e extremamente má a quem Ned chama de Mr. X (que acredita que todos os contos de H. P. Lovecraft formam, juntos, uma bíblia, a qual ele é um fiel seguidor).

Ned é levado de volta a sua cidade natal quando tem a visão de que sua mãe, Star, está morrendo. Antes de morrer, ela diz a Ned o nome de seu pai, nunca dito antes, e avisa-o que ele corre grande perigo. A partir daí, Ned decide descobrir informações sobre seu pai, o que o leva a uma série de eventos estranhos, macabros, e surreais, e que aos poucos revelam informações sobre seu pai, sua fantástica família, e sobre si mesmo.

Desde que escreveu Koko, em 1988, Straub especializou-se em suspenses macabros e densos, com grandes detalhes da vida em pequenas cidades e com personagens ordinários que descobrem que os crimes extraordinários que investigam levantam dúvidas sobre suas integridades morais. Com Mr. X, Straub voltou às suas raízes, escrevendo uma história sobrenatural, porém, sem perder os elementos acima.

Leitores mais atentos reconhecerão nesta trama histórias sobre os conturbados relacionamentos familiares, e uma crescente odisséia sobre o auto-conhecimento, além, é claro, de um profundo estudo sobre a natureza humana (fatos que já tornaram-se comuns na obra de Straub).

Com Mr. X, Straub volta ao gênero que o consagrou no passado, com uma narrativa densa, mas que flui como se estivéssemos vendo um filme.

Não à toa, este livro ganhou o prêmio Bram Stoker quando foi lançado.

Ficha Técnica:
Peter Straub, 1999
Título original: Mr. X
Lançamento no Brasil: 2008


 

Comentários   

#1 Tânia Souza » 17-10-2011 01:43

Adoro Straub e já estou namorando esse livro há séculos, ótima e convidativa resenha.
−1 +−

Tânia Souza

Você está aqui: Resenhas Livros Resenha: Mr. X